Anunciados R$ 30 Milhões para água e esgoto de Toledo

ÁGUA TRATADA
O índice de cobertura com o serviço de esgoto no município chegará próximo a 90%

Mounir Chaowiche, Deputado Schiaviato, Governador Beto Richa e Prefeito Lúcio de Marchi
Por Clóvis Pedrini Jr.
Durante a 44ª edição da Festa Nacional do Porco no Rolete em Toledo, realizada neste domingo (17), o governador Beto Richa (PSDB), acompanhado do deputado estadual José Carlos Schiavinato (PP), do prefeito Lucio de Marchi (PP) e do presidente da Sanepar (Companhia de Saneamento do Paraná), Mounir Chaowiche, confirmou R$ 30 milhões em obras de melhoria e ampliação dos serviços de água e de esgoto do município.

O montante vai se somar aos R$ 65 milhões já aplicados pela Sanepar em Toledo, desde 2011. “Toledo recebeu nos últimos anos, o maior investimento que um governo já fez na cidade”, disse Richa. O governador e o presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, autorizaram o pregão eletrônico para a compra de uma estação modular compacta de esgoto, com capacidade de 100 litros por segundo. A unidade será instalada no Rio Toledo. A nova estação modular ficará em operação até que seja concluída a ETE Sul que está em construção no Rio São Francisco. Além disso, a Sanepar vai implantar 14 quilômetros de rede coletora para atender partes do Jardim Coopagro, do Loteamento Dullius e do Jardim Planalto.

Segundo a Sanepar, a ETE Sul deverá começar a funcionar em abril de 2018, quando as outras estações de esgotos localizadas na Vila Paulista, Dom Pedro, Jardim Parizotto e Bressan serão desativadas e somada à funcionalidade da ETE Norte –inaugurada em agosto deste ano em um investimento de R$ 12,8 milhões– o índice de cobertura com o serviço de esgoto no município chegará próximo a 90%.

O presidente da Sanepar destacou que a construção da estação Sul é uma reivindicação antiga da população e que a desativação das estações na área central do município trará mais qualidade de vida aos moradores. “O invesimento fará de Toledo uma das melhores cidades em saneamento do país. Saneamento é questão de saúde e meio ambiente. Com a nova estação Sul expandimos a rede e traremos mais conforto para as pessoas”, disse.

Schiavinato disse que esse investimento da Sanepar irá ajudar a resolver o problema do mal cheiro nos bairros. “Logo no início da gestão do Lucio e do Tita, viemos à Curitiba junto para tratar desse assunto que há décadas é um problema não resolvido da nossa cidade. A solução para a eliminação do mal cheiro na cidade foi um dos nossos principais compromissos de campanha, não esperava que a solução viesse tão rápido”.

O prefeito de Toledo, Lucio de Marchi, lembrou que a obra estava programada para o fim deste ano, mas foi adiantada graças a um desafio proposto ao governador, na inauguração da Estação Norte há cerca de um mês, para liberar os trâmites na Festa do Porco no Rolete. “Sabíamos que o tempo era curto e estamos muito gratos por vermos que as propostas do governo estão se consolidando e por fazermos parte desse projeto de desenvolvimento e crescimento de Toledo”, declarou.

TECNOLOGIA DE PONTA

Uma das regiões do município que mais crescem, o Jardim Coopagro, também será beneficiado com investimentos da Sanepar. Está previsto para entrar em funcionamento até maio de 2018, um reservatório com capacidade para armazenar 2 milhões de litros de água tratada com a mais moderna tecnologia disponível no mercado. A unidade será construída com aço vitrificado no lugar do tradicional concreto armado. A nova tecnologia de placas de aço vitrificado oferece algumas vantagens em relação às unidades feitas em concreto. Uma delas é o prazo para instalação que é de cerca de 40 dias contra o prazo mínimo de seis meses das unidades convencionais. As placas de aço são parafusadas umas nas outras de forma rápida e segura.

Além de ter menor custo para implantação, o aço vitrificado elimina quase que totalmente as necessidades de manutenção e possibilita a mudança de local. “Esse tipo de reservatório facilita o processo de limpeza e extingue os trabalhos de reparos em pintura e impermeabilização”, explica o gerente da Sanepar, Renato Mayer Bueno. O custo para implantação deste reservatório é de R$ 930 mil.

A Sanepar também colocará em operação o poço 19, que vai abastecer 14.500 famílias nos bairros Vila Pioneira, Panorama, São Francisco, César Park e Jardim Bressan. E está em fase de licitação a perfuração do poço 22. A Companhia de Saneamento do Paraná ainda auxiliará o município com a implantação de Ecopontos.
Deputado Schiavinato


author

União Agora

Seu Portal de Notícias, Brasil.

Receba atualizações do site por e-mail em sua caixa de entrada!

www.CodeNirvana.in

Copyright © UNIÃO AGORA | Notícias | União Agora Portal União Agora