Força Tarefa da RTRS se reúne para alavancar soja sustentável no país

A Associação Internacional de Soja Responsável (RTRS) promoveu a primeira reunião do ano da Força Tarefa Brasil, em Brasília-DF. O objetivo do encontro foi atualizar os membros sobre os novos projetos da RTRS, volume de soja certificada no primeiro trimestre e vendas de créditos e soja física RTRS por meio de plataforma de comercialização da Associação.

A reunião foi acolhida pelo Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM) e contou com a presença de membros da Fapcen, CAT Sorriso, APDC, WWF, CDP, Embrapa, Brookfield, Cerquality, Cooproeste–BA, Control Union, Cert-ID, Earth Innovation Institute, Grupo André Maggi, Cresol e Syngenta.

A Força Tarefa Brasil da RTRS é um espaço de trabalho e colaboração que reúne membros da associação, incentivando o trabalho do mercado global e contribuindo para a construção de políticas públicas, difundindo informação aos produtores e consumidores, fortalecendo assim, o mercado para a soja responsável.

“A RTRS tem crescido em todos os seus elos. Para esse ano, a previsão é que certifiquemos mais de 4 milhões de toneladas de soja. O mercado de Mass Balance –ou balanço de massa, que é a aquisição de soja física RTRS – também tem registrado aumento no país, devido a demanda do mercado Europeu. Enquanto no ano passado apenas uma empresa adquiria soja RTRS nesta modalidade, hoje já temos 3 empresas”, comenta Cid Sanches, Consultor Externo da RTRS no Brasil.

Em relação a novos projetos, estão sendo desenvolvidos trabalhos com as cooperativas Comigo-GO, Agrária-PR e Castrolando-PR, que incrementaria o número de produtores certificados no país, bem como o aumento da produção de soja RTRS. Outro tema discutido foi a possibilidade de parceria com o Conselho Científico do Agronegócio Sustentável (CCAS) com o objetivo de traduzir algumas informações do campo para o público urbano por meio de publicação de artigos e entrevistas.

Para a Presidente da Força Tarefa e Superintendente da Fapcen, Gisela Introvini, é importante que o público compreenda que a RTRS atua em diversas áreas, não somente visando a obtenção do pagamento de créditos. “Os produtores membros da RTRS promovem o respeito ao meio ambiente e melhoria de qualidade de vida dos trabalhadores rurais, garantindo o sucesso da atividade por muitos anos, pensando principalmente nas gerações futuras. Também desejamos conscientizar o consumidor brasileiro sobre as melhores práticas adotadas nas fazendas, para que assim, aumentemos a exigência por soja certificada”, explica.

Sobre a RTRS

Fundada em 2006, a Associação Internacional de Soja Responsável (RTRS) é uma iniciativa internacional pioneira formada pelos principais representantes da cadeia de valor da soja, como produtores, indústria, comércio, finanças e a sociedade civil. Os atores dessas diferentes áreas se reúnem em torno de um objetivo comum, garantindo o diálogo e a tomada de decisão por consenso. A missão da entidade é promover o uso e o crescimento da produção sustentável de soja e, por meio do Padrão RTRS de Produção Responsável da Soja, aplicável mundialmente, garantir uma produção ambientalmente correta, socialmente adequada e economicamente viável. É hoje o sistema mais confiável e avançado do mercado de soja brasileiro para alcançar a sustentabilidade. Atualmente a RTRS conta com mais de 200 membros dos países do mundo inteiro. Os princípios e critérios da RTRS são o único padrão multipartes que garante o Desmatamento Zero na produção de soja responsável. www.responsiblesoy.org/pt


Contatos com a imprensa:
Angélica Cortez 

Telefone (19) 2136-3504 

Thais Frausto 
Telefone (19) 2136-3506
author

União Agora

Seu Portal de Notícias, Brasil.

Receba atualizações do site por e-mail em sua caixa de entrada!

www.CodeNirvana.in

Copyright © UNIÃO AGORA | Notícias | União Agora Portal União Agora