Deputado Schiavinato abre workshop sobre uso de bicicletas no Paraná

Schiavinato abre workchop sobre uso de bicicletas no Paraná
Autor de duas leis estaduais de incentivos e apoio ao uso da bicicleta, deputado estadual José Carlos Schiavinato (PP) abriu na última terça-feira (16), os trabalhos do 1º Workshop do Programa Paranaense de Ciclomobilidade (CICLOPARANÁ). O evento foi realizado pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos e ocorreu no auditório da Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação (Celepar), em Curitiba. O objetivo foi debater propostas de segurança, respeito e sustentabilidade dos ciclistas no trânsito paranaense.

No encontro, o secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Antonio Carlos Bonetti, destacou que o evento é uma oportunidade de interação entre as diversas entidades envolvidas no programa. “É preciso ouvir todas as partes de maneira construtiva, sem polarizar opiniões para que a gente tenha uma evolução através do diálogo”.

Para a coordenadora de Educação Ambiental da SEMA, Daniela Miranda, o Workshop Bicicleta na Estrada tem como objetivo apresentar propostas de segurança, educação, sustentabilidade e respeito aos ciclistas na rodovia, visando a redução dos acidentes de trânsito. “Como resultado do evento foram estabelecidas 10 diretrizes educativas de uso seguro e sustentável da bicicleta na estrada”, informa Daniela.

O evento reuniu representantes das Polícia Rodoviária Federal, Polícia Rodoviária Estadual, Detran, Concessionárias, Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV) entre outras entidades ligadas ao trânsito.
PROJETO
Na ocasião, o Detran Paraná apresentou um projeto que vai trazer sinalização vertical para ciclistas e motoristas em rodovias. A fase piloto será executada na BR 277, em um perímetro de 20 km, com início no Parque Barigui até o pedágio de São Luiz do Purunã.

“Diariamente os ciclistas e motoristas dividem o espaço nas ruas e rodovias. A distração e a falta de respeito muitas vezes acabam em acidentes e mortes. Em busca de mais segurança, o Governo do Estado tem investido em educação, sinalização viária e também em projetos de integração e planejamento estratégico”, explica o diretor-geral do Detran, Marcos Traad.
LEGISLAÇÃO
Duas novas Leis que contribuem para a prática do ciclismo e do uso da bicicleta no Paraná foram aprovada pela Assembleia Legislativa. São as leis nº 18.780 e 18.880, ambas de autoria do deputado Schiavinato.

A primeira institui no Estado a Política de Mobilidade Sustentável e Incentivo ao Uso da Bicicleta. A redação prevê a promoção de ações e projetos em favor de ciclistas, a fim de melhorar as condições para seu deslocamento e segurança; o incentivo ao financiamento de projetos que contemplem a implantação de ciclovias e viabilização de estudos técnicos para auxiliar os municípios na formatação de projetos voltados à mobilidade urbana.

A segunda, em co-autoria com o deputado Felipe Francischini, dispõe sobre o acondicionamento de bicicletas nos ônibus utilizados no serviço de transporte intermunicipal de passageiros do Estado do Paraná. As empresas que explorarem o serviço de transporte intermunicipal de passageiros no Estado do Paraná deverão adaptar a sua frota integralmente para que contenha ônibus adaptados com bagageiros ou suportes externos apropriados para bicicletas.
MORTES DE CICLISTAS
De janeiro a abril de 2017, a Polícia Rodoviária Federal registrou 65 acidentes envolvendo bicicletas no Paraná. Desse total, 67 ficaram feridos e 8 acabaram em mortes.

Em 2016, o número de mortes de ciclistas cresceu 80 % nas rodovias federais do Estado. Em 2015 foram registrados 15 óbitos subindo para 27 em 2016. Dos 223 acidentes que ocorrem neste período 195 deixaram pessoas feridas.

Segundo o Policial Rodoviário Federal Igor Soares nos fins de semana o uso das rodovias por ciclistas em direção ao litoral e interior do estado é mais frequente.

“Como as BRs são lugares de alta velocidade e grande fluxo de veículos, infelizmente as chances de acidentes e mortes também aumentam. Tanto os ciclistas quanto os motoristas deviam buscar um local mais apropriado para a prática a fim de garantir a segurança de todos”, comenta ele.


author

União Agora

Seu Portal de Notícias, Brasil.

Receba atualizações do site por e-mail em sua caixa de entrada!

www.CodeNirvana.in

Copyright © UNIÃO AGORA | Notícias | União Agora Portal União Agora