Prefeito Beto Lunitti estabelece política de valorização do servidor público


A prefeitura de Toledo passa a conceder a partir do mês de junho de forma escalonada as progressões por qualificação e titulação aos servidores municipais de todas as áreas de atuação. Esse era um compromisso assumido pelo prefeito Beto Lunitti, e que reforça a vontade política da gestão em atender as demandas dos servidores. Também nesse primeiro semestre a prefeitura concedeu outros benefícios como a implantação do piso mínimo e a concessão de licença maternidade de seis meses para mães adotantes.

O prefeito Beto Lunitti salientou que essas conquistas fazem parte da politica de valorização dos servidores. “Nesse primeiro momento da nossa gestão estamos concedendo uma reivindicação antiga da categoria e aos poucos estamos conseguindo concretizar e atender outras demandas, como a implantação do piso mínimo pago aos servidores e empregados públicos, além da licença maternidade de seis meses para adotantes”, explica. O prefeito ressaltou que o governo está focado na gestão humana que valoriza os servidores. “Hoje mais de 500 servidores foram atendidos pela política do piso mínimo que encerrou uma distorção histórica. É mais um passo que a administração realiza.”

Segundo o secretário de Administração, Amauri Link, a atual gestão vem trabalhando para atender as demandas firmadas junto ao Sindicato dos Servidores (SerToledo). “Com a concessão das progressões por qualificação e titulação, os servidores que preencheram os requisitos terão um ganho real de 5% no vencimento e isso é incorporado à carreira do servidor”. A administração também valoriza os servidores da casa. “Atualmente contamos com 40% dos cargos comissionados ocupados por servidores de carreira, o que demonstra o reconhecimento da capacidade técnica de muitos servidores nas mais diversas secretarias e a confiança que o prefeito deposita nesses profissionais”.

A política de valorização dos servidores municipais adotada pela administração está aos poucos sendo implantada. Entre as ações, está a concessão de licença maternidade para as mães adotantes. “A concessão de licença maternidade de seis meses para mães adotantes, independente da idade da criança ou adolescente é uma forma de incentivar as adoções, valorizando o período de adaptação e fortalecendo os vínculos afetivos entre pais e filhos”, explicou a secretária de Recursos Humanos, Marines Bettega.

Conforme a secretária, outra importante conquista é a implantação do piso mínimo pago aos servidores a partir do mês de maio. “Hoje nenhum servidor tem um salário inferior a R$850. Atendendo ao proposto no plano de governo, houve um ajuste para que todos os servidores tenham um “piso mínimo”, cumprindo com o compromisso firmado com o SerToledo”.

Além desses benefícios, os servidores municipais têm a sua disposição os cursos oferecidos pela escola de governo, que desde o inicio do ano atendeu a quase 700 servidores em diversas áreas. “A Escola de Governo é um meio pelo qual o servidor tem acesso a formação contínua. Por exemplo, 86% dos servidores da Secretaria da Saúde já passaram por formação este ano”, finalizou Marines.

author

União Agora

Seu Portal de Notícias, Brasil.

Receba atualizações do site por e-mail em sua caixa de entrada!

www.CodeNirvana.in

Copyright © UNIÃO AGORA | Notícias | União Agora Portal União Agora