Paraná é um dos três Estados do Brasil que mais criou empregos em abril


O Paraná foi o Estado da região Sul e o terceiro do país que mais criou empregos em abril. Foram 18.937 empregos com carteira assinada, o equivalente ao crescimento de 0,72% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior, segundo dados divulgados nesta terça-feira (21) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho. 

Entre os estados brasileiros, o Paraná ficou em terceiro lugar na criação de empregos em abril, atrás de São Paulo, que criou 80.227 vagas, e de Minas Gerais, com 23.523 postos de trabalho. Santa Catarina criou 10.273 novas vagas e o Rio Grande do Sul registrou 10.084 novas oportunidades de emprego. 

Para o secretário do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, Luiz Claudio Romanelli, os números positivos demonstram o acerto das políticas públicas de estímulo ao desenvolvimento implantadas pelo governador Beto Richa. “A indústria paranaense é a que registra a maior expansão na criação de empregos no país há 18 meses consecutivos. Outros setores também apresentam ótimos resultados. Em todo o Estado, temos hoje 21 mil vagas de emprego abertas. Vivemos uma situação de pleno emprego e a tendência é que haja mais crescimento”, afirma Romanelli. 

No Paraná, nos quatro primeiros meses deste ano, houve acréscimo de 65.835 postos de trabalho, um aumento de 2,55% em relação ao estoque de 2012. Nos últimos 12 meses foram criados 82.317 postos de trabalho, um crescimento de 3,21% no nível de emprego em relação ao estoque de abril de 2012. 

SETORES - Os setores que mais geraram empregos no Paraná em abril foram a Indústria de Transformação, com 6.656 postos de trabalho, Serviços, com 4.773 vagas, Comércio, com 3.665 postos , Construção Civil, com 2034 vagas, e o setor Agropecuário, com a criação de 1.549 empregos. A maior parte das novas vagas foi criada no Interior do Estado - 14.145 empregos. Já a Região Metropolitana de Curitiba registrou acréscimo de 4.792 empregos formais em relação ao mês anterior, um aumento de 0,45%. 

Os municípios que mais criaram postos de trabalho foram Curitiba, com a geração de 3.938 vagas, Maringá com 1.328 novos postos de trabalho, Londrina com 677 empregos, Umuarama, com 592 vagas, e Toledo, com 515 empregos. 

BRASIL – No país, foram criados 196.913 postos formais de emprego, um crescimento de 0,49% em relação ao estoque do mês anterior. Entre janeiro de 2011 e abril de 2013, o incremento de empregos foi de 9,39%, representando um aumento de 4.139.853 postos de trabalho. 

No acumulado do ano, o emprego cresceu 1,39%, um acréscimo de 549.064 postos de trabalho, sendo que nos últimos 12 meses esse patamar alcançou 1.087.066 novas vagas, uma expansão de 2,79% no número de empregos celetista no país. 

Pela primeira vez no ano, os oito setores de atividade econômica apresentaram crescimento na geração de emprego, sendo o setor de Serviços o que mais gerou postos de trabalho, com 75.220 novas vagas (+0,46%), seguido da Indústria de Transformação, com 40.603 postos (+0,49%), a Construção Civil, com 32.921 (+1,03%) e a Agricultura com 24.807 (+1,59%). 
Áudio:
author

União Agora

Seu Portal de Notícias, Brasil.

Receba atualizações do site por e-mail em sua caixa de entrada!

Postar um comentário

www.CodeNirvana.in

Copyright © UNIÃO AGORA | Notícias | União Agora Portal União Agora